No último dia 21 de novembro, o Sindicer/PB participou da 9ª Edição da Imersão de Líderes e Dirigentes Sindicais promovida pelo Programa de Fortalecimento da Gestão Sindical, com apoio do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA/CNI). Este ano a temática do evento foi “Mudança de Foco – Juntar Forças para Vencer as Dificuldades”, e contou com a participação de presidentes dos sindicatos filiados ao Sistema FIERN.

Nesta edição houve a realização da palestra "Cenário Econômico Brasileiro na Atualidade e as Perspectivas Futuras do Mercado Empresarial", proverida pelo consultor e economista Paulo Rabello de Castro, que apresentou números da economia regional, nacional e mundial, que influenciam o mercado.

Seleção DSCF8730.jpg

Outra atividade de destaque foi a "Mesa-Redonda: Gestão Sindical Eficiente: Como Atrair e Manter Associados?", mediada pelo consultor jurídico e sindical, Amir Kauss, e com a participação do presidente do Sindicato das Indústrias Madeireiras e Moveleiras do Noroeste de Mato Grosso – SIMNO/MT, Roberto Rios Lima e do Presidente do Sindicato da Indústria de Cerâmicas Vermelhas do Estado da Paraíba – SINDICER/PB, João Gomes de Andrade Neto. 

Na ocasião, os palestrantes apresentaram cases de ações implantadas que conseguiram reter a captação de novos associados. Entre os pontos apresentados estão sede própria, reuniões regulares, benefícios, negociações trabalhistas e relacionamento com órgãos fiscalizadores.

O evento contou ainda, com a participação da gestora nacional do Programa de Desenvolvimento Associativo, Camila Cavalcanti, que apresentou as ações desenvolvidas e quais os objetivos da iniciativa da CNI. Desde como um sindicato atua em favor de um setor, que tipo de serviço oferece aos associados e quais ferramentas as instituições têm para conseguir melhorias no ambiente de negócios e na competitividade das indústrias que representa.

Seleção DSCF8720.jpg

Para o presidente Amaro Sales, o PDA permite a aproximação entre os empresários em prol da defesa de interesses comuns. "Estamos aqui trazendo preocupações sindicais e as boas práticas desenvolvidas dentro do sistema. Temos que combater as dificuldades e debater os problemas regionais", destacou.