A partir deste ano, a cadeia produtiva da indústria da construção contará efetivamente com a possibilidade de participar à distância das reuniões de discussões normativas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) tanto para a elaboração quanto atualização das normas técnicas relacionadas ao setor. “A ABNT percebeu a necessidade de oferecer um agente facilitador para aqueles que querem participar das normas em locais onde as mesmas não estão sendo discutidas. Agora, se a discussão for em São Paulo e a pessoa estiver em Brasília poderá participar via internet”, destacou o gestor do Comitê Brasileiro da Construção Civil (CB-002) da ABNT, Salvador Benevides.

A novidade da Webex, plataforma online da ABNT, atende a uma antiga solicitação da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), por meio da sua Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (COMAT), no sentido de ampliar a atuação dos empresários e técnicos da construção de todo o País nessas discussões, já que conhecer as normas que regem um negócio é fundamental para sua manutenção, desenvolvimento e qualidade. “Esse é mais um passo para o aculturamento do corpo técnico do setor da construção para estar em dia com a normalização brasileira”, reforça o engenheiro Dionyzio Klavdianos, empresário e presidente da COMAT/CBIC.

A Webex ampliará a participação do setor na elaboração, atualização e realinhamento de normas que já estão ultrapassadas para as atuais condições do mercado. Segundo Salvador Benevides, a ideia é implantar oficial e formalmente a plataforma online para todas as normas. Importante destacar que essas participações serão válidas e registradas como presenças em lista que será posteriormente encaminhada à Secretaria da ABNT/CB.

Fonte: Portal da Anicer