Uma iniciativa e organização da Confederação Nacional da Indústria (CNI) em parceria com as Federações das Indústrias dos Estados, ontem (07) houve a realização do 1º Diálogo da Rede Sindical da Indústria,  com a participação de lideranças sindicais de todo o país.

A reunião abordou a temática "Perspectivas para a Indústria em 2017: Cenários Econômico e Político” e se deu de forma interativa, por vídeo conferência, dando a oportunidade de todos os integrantes da Rede Sindical partilharem dos temas abordados e discutirem sobre as perspectivas da trajetória econômica do país e o crescimento do mercado brasileiro.

Na Paraíba, os empresários e representantes de diversos setores industriais, participaram do diálogo na sede da Federação da Indústria do Estado da Paraíba, em Campina Grande, das 14h às 16h.

No primeiro momento, a gerente executiva de desenvolvimento associativo da CNI, Camila Cavalcanti, sintetizou as propostas e projetos desenvolvidos pela Confederação, atuante aos 15 setores da Rede Sindical existentes, através das Federações responsáveis por cada setor industrial, ampliando a troca de informações e sendo porta voz da indústria representante à CNI.

Em um segundo momento, houve a explanação dos temas "O cenário econômico" pelo gerente executivo de política econômica da CNI, Flávio Castelo; "Cenário político" pelo sócio diretor da CAC Consultoria Política e; "Balanço: oportunidades para atuação do Sistema de Representação da Indústria", pelo diretor de políticas e estratégia da CNI, José Augusto Coelho.

Após a palavra dos expositores, os participantes tiveram a oportunidade do envio de perguntas via aplicativo, gerando um debate e aprofundando um pouco mais a respeito do que foi abordado.

A proposta principal do 1º Diálogo da Rede Sindical da Indústria foi solidificar o elo entre as lideranças empresariais e expandir o alinhamento entre a CNI, Federações de Indústrias e os Sindicatos patronais, no que se refere às prioridades da agenda da indústria. A reunião virtual tem a proposta de prover um melhor aproveitamento do tempo e das informações compartilhadas.

Informações complementares podem ser obtidas pelo telefone (83) 2101-5322, na Unidade Assistência aos Sindicatos da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba.